Devaneios de uma segunda!

Oláaa pessoal!

Hoje a segundona começou a mil, mais uma vez, e estou com vários posts acumulados, pois ideias não faltam, mas falta tempo para transpor-las aqui! hahah Enfim, em breve terão novidades, fiquem atentos! 🙂

Enquanto isso, desabafos e devaneios de uma mente a 200 por hora!

E em meio aos momentos e aos ventos, as vontades. E os tormentos, para que tantos, se só fazem alardes.

O suspiro, não pira, não seja covarde. Um sorriso, um riso, um som para mais tarde.

A vida que corre lá fora, é a mesma que corre em ti, vai segura, vai com fé, e até longe daqui.

Ó a vida, que bonita, sei disso, eu já a vi. Do que trago comigo, é um pouco de ti.

Quero agora, quero a hora, quero um mundo a sonhar.

Venha logo, sem demora, que eu não quero esperar. Nas viagens que tenho, o que faço é lembrar, dos momentos que tive, e do que vem a me encontrar.

Só um dia, uma lua, uma noite a brilhar. Nos meus sonhos me apoio, seguindo o luar.

Não resista, não insista, só um abraço a te dar.

Vou cantando e dançando, até as nuvens chegar.

Desse rima barata, só restam as rosas, do que sonho para mim, só a vida formosa.

Vou cantando de novo, vou dizendo pro povo, que uma vida sem graça, não merece uma taça. De riso, te vivo, eu vivo, para mim.

Devaneios me alertam do que posso sentir, que feliz essa vida, que eu vivo para mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s